Vídeos interessantes sobre Autismo.

Loading...

sábado, 30 de abril de 2011

CURSO ON-LINE: AUTISMO: DISFUNÇÃO GLOBAL DO DESENVOLVIMENTO (com certificado) ( Daniela Bolzan)


Curso Online: AUTISMO - DISFUNÇÃO GLOBAL DO DESENVOLVIMENTO (com certificado)

Autor(a) do Curso: Mirian Fabiana Nogueira Brito Xavier
Pedagoga, especialista em Educação Especial e Arte-educação. Orientadora Acadêmica na EaD de pós graduação educacional.

Valor: R$ 10,00         
Tempo para acesso: 90 dias   
Carga Horária: 10 horas/aula

Apresentação: AUTISMO - DISFUNÇÃO GLOBAL DO DESENVOLVIMENTO

Capítulos deste curso:

AUTISMO
  • Alterações
  • Desordem
  • Termo
  • Década de 80
  • Dsm
  • Possível causa
  • Descrição
  • Características
  • Autismo características
  • Oms
  • Incapacidade
  • Dificuldades
  • Aprendizagem
  • Percepção
  • Autismo problemas de percepção
  • Paulo freire
  • Bibliografia
  • Mirian nogueira

Conheça os principais conceitos e características do Autismo. Matricule-se e faça sua parte!!!

Ministério Público vai investigar programa da MTV que satirizou autistas. ( Daniela Bolzan)


Um jovem corre de um lado ao outro, uma moça grita compulsivamente em frente ao espelho e outro aparece jogado inerte no canto da sala. Eles são atores tentando representar pessoas com autismo. O quadro "Casa dos Autistas" foi veiculado no programa "Comédia MTV" e provocou polêmica e reações.


Ontem, o Ministério Público Federal de São Paulo instaurou um procedimento para investigar o quadro, que durou cerca de três minutos e fazia uma alusão ao programa "Casa dos Artistas", exibido pelo SBT. O programa foi ao ar no dia 22 de março.

"Foi uma manifestação de mau gosto e de completa ignorância sobre o assunto. Retratou o autista como um completo idiota, um imbecil. Um total desserviço", diz o psiquiatra Estevão Vadasz, coordenador do Programa de Autismo do Instituto de Psiquiatria da USP. Segundo ele, estima-se que o autismo atinja 1 em cada 110 crianças. "Fiquei chocado com o que vi porque, aparentemente, essas pessoas possuem algum nível de instrução."

Zico Goes, diretor de programação da emissora, reconheceu o erro e pediu desculpas às famílias. De acordo com ele, ontem mesmo entraria no ar um pedido de desculpas por escrito, antes do programa começar.

Além disso, para minimizar a repercussão negativa, a emissora fará hoje uma reunião com a associação de familiares para ouvir as reclamações e traçar uma maneira de reverter o problema. "Erramos e vamos tentar compensar de alguma maneira. Extrapolamos o limite do humor, que ficou sem graça, ficou grosseiro. A nossa ideia é fazer campanhas de esclarecimento ao longo da programação", afirmou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Grata Daniela Bolzan

Deputada Federal Mara Gabrilli e Eli Corrêa Filho '' esquivaram '' de comentários referente à discriminação contra os autistas pela MTv. ( Daniela Bolzan)

Alguns contatos da administração do Radialista "Ligeirinho do Rádio" ficaram aguardando uma resposta dos deputados federais ; Eli Corrêa Filho e Mara Gabrilli para que pudessem comentar ou compartilhar com os anseios e desejos de familiares e principalmente ( mães) de crianças e adultos com autismo.




 

Sabemos que a fala de deputados diferenciados com espaço na mídia é de suma importância. Eli Corrêa Filho ( é radialista e filho do famoso radialista Eli Corrêa).
Mara Gabrilli , publicitária,ex.vereadora.ex.secretária da pessoa com deficiência.

Ambos deputados mencionados, sequer deram algum retorno a este blog (Ligeirinho do rádio)  que ambos têm conhecimento de conteúdo e direta ou indiretamente colaborou para que os mesmos fossem eleitos.

Lamentavelmente, ao que parece optaram pelo '' silêncio ''.ou seja, deixaram a desejar em apoiar as 
''ofensas e discriminação sofridas '' por autistas por uma emissora de tv.

Omissão...talvez seja a palavra correta.

ATENÇÃO : Este radialista e equipe sempre foi fiel as '' causas ,conquistas,lutas das pessoas com deficiência'' portanto ,a partir de hoje retiramos os nomes de ambos deputados de nossa lista de
 '' parceiros '' pois demonstraram que deixaram de ser.

edson xavier e beto ribeiro junior
administradores ( portal jornalismo ligeirinho do rádio ) 
Fonte: Ligeirinho do Rádio
Grata
Daniela Bolzan - ESTOU COM VOCÊS!!!
___________________________________________________________________________
Comentário Importante feito por Edson Xavier no portal Ligeirinho do Rádio.

Quem diria...o deputado federal ( Paulo Pimenta) ,deputada (Rosinha da Adefal) e Senador ( Paulo Paim) deram um ótimo exemplo de dedicação e solidariedade a todos familiares de autistas e deficientes de todo território nacional.

com excessão da deputada rosinha, que é cadeirante...o deputado paulo pimenta e senador paulo paim...demonstraram que '' apoiar e compartilhar '' independente de qualquer coisa é de suma importancia....
infelizmente alguns politicos já decepcionam a população em poucos meses de mandato.
parabens ..deputado eli correa filho e deputada mara gabrilli pela '' omissão''. o tempo vai cobrar de vcs suas ações...
____________________________________________________________________________

sexta-feira, 29 de abril de 2011

MTv Formaliza desculpas por programa "Casa dos Autistas" ( Daniela Bolzan)

 
A diretora de relações governamentais do Grupo Abril, Angela Rehm, procurou o deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) para apresentar um pedido formal de desculpas à sociedade brasileira pela exibição do quadro “Casa dos Autistas”, veiculado na última sexta (22) pela MTV Brasil. Em reunião, que ocorreu na tarde desta quarta-feira (27), a diretora informou que o canal musical tomou conhecimento da repercussão negativa do “Casa dos Autistas” pela mobilização ocorrida nas redes sociais, na internet.

“A manifestação do deputado Pimenta desencadeou rapidamente uma ação crítica fundamentada contra o programa e à MTV, que nos forçou a rever e analisar o quadro para entendermos o que estava ocorrendo, pois, até então, não havíamos recebido nenhuma reclamação por meio de nossas centrais de relacionamento com o telespectador. Houve desconhecimento na abordagem sobre o transtorno global de desenvolvimento, uma infelicidade, em que foram ultrapassados os limites aceitáveis do humor”, reconheceu a diretora do Grupo Abril.

Autor de representação no Ministério Público Federal contra o “Casa dos Autistas”, o deputado Paulo Pimenta creditou à sociedade que de forma organizada usou as redes sociais para protestar contra um possível retrocesso na conquista dos direitos e no respeito às pessoas com deficiência. “Nos somamos e amplificamos um sentimento social de que o conteúdo do programa havia sido discriminatório e que o dia-a-dia das pessoas com disfunção global do desenvolvimento representado pela MTV nada tem a ver com a realidade. Assim como cobramos providências, reconhecemos o gesto do Grupo Abril, em reconhecer o erro, algo raro na mídia brasileira”, disse Pimenta. O deputado espera que esse episódio possa servir como um marco na forma da mídia tratar o tema da inclusão em suas pautas.

A diretora do Grupo Abril informou que já há uma decisão da MTV em abrir espaço em sua programação para uma campanha nacional educativa sobre autismo.

Fonte: Jornale.com
Grata
Daniela Bolzan

Mãe Diz que falsa Psicóloga Beatriz Cunha a convenceu de que seu filho era Autista. ( Daniela Bolzan)

 
A falsa psicóloga, que atendia crianças com autismo e foi presa em flagrante na quarta-feira (28), mexeu com a vida de várias pessoas e abalou de maneira severa a trajetória da família da ex-secretária Bianca Jardim Couto, de 30 anos, mãe de Gabriel, um dos pacientes tratados pela acusada Beatriz Cunha.

O menino, que hoje tem três anos e leva uma vida normal, apresentou sintomas da doença em 2009. Ele não falava e enfileirava carrinhos, sinais considerados comuns em crianças autistas. Foi então que a lábia da falsa psicóloga, que atendia em Botafogo, na zona sul do Rio, falou mais alto e foi capaz até de invalidar exames feitos com a mais alta tecnologia. Os pais de Gabriel entraram em desespero e depositaram na falsária a esperança de melhora do menino, como contou Bianca.

- Essa mulher acabou com a minha vida, com a minha saúde mental. Entrei em depressão, larguei meu emprego, parei de estudar. Ela disse que o meu filho era autista. Meu mundo caiu. Fizemos os exames [tomografia, eletro encefalograma] e os resultados não indicaram nada. Mesmo assim ela afirmou que o Gabriel tinha o problema e nos convenceu a começar o tratamento.

A família de classe média se viu sem saída. Como Bianca afirmou, estava em jogo a vida de seu “bem mais precioso”. Por isso, a solução para arcar com a primeira avaliação (R$ 600) e o tratamento (R$ 1.800 por mês) foi pedir doação a parentes e amigos.

- Nós ficamos assustados, mas tínhamos de tratar. Pedimos dinheiro para todo mundo. Ele [Gabriel] era atendido duas vezes por semana, mas depois de quatro meses, vimos que a situação do meu filho era a mesma. Percebemos que havia algo estranho, pois o Gabriel estava igual e, além disso, ela não queria dar recibo e pedia que a gente entregasse o dinheiro na mão dela.

Bianca conta também que o tratamento que eles pagavam não era e que uma mãe desembolsava R$ 9.500 por mês.

O estalo que fez acordar os pais de Gabriel aconteceu como salvação. A falsa psicóloga foi trocada por uma fonoaudióloga. Segundo Bianca, em menos de um mês, a criança começou a falar e rapidamente parou até de enfileirar carrinhos. Em nova consulta com uma psicóloga, dessa vez uma que tinha o registro no CRP (Conselho Regional de Psicologia) válido, foi constatado que o menino não tinha qualquer sinal de autismo.

- Hoje, o Gabriel fala pelos cotovelos. Aquela mulher quase acabou com a gente, mas ainda bem que conseguimos agir logo. Uma outra profissional o avaliou e disse que ele não passava nem perto de ter autismo.

Com o tempo, a família retomou, aos poucos, seu rumo. Mas, em dezembro do ano passado, Bianca descobriu um câncer linfático. Ela diz acreditar que a doença é fruto dos traumas causados pela falsa psicóloga.

- Os médicos me disseram que o aborrecimento que eu passei pode ter influenciado na minha doença. Repito, essa mulher acabou comigo.

Bianca contou que há cerca de um ano não ouvia falar de Beatriz Cunha, até que se surpreendeu quando soube que a falsa psicóloga havia sido presa. A sensação, de acordo com ela, foi de alívio.

- Agora ela tem de pagar por isso, pois me prejudicou e prejudicou muita gente. Ainda quero entrar com um processo contra ela.

Ressarcimento aos pais

O delegado Maurício Luciano de Almeida e Silva, titular da Decon (Delegacia do Consumidor), onde o caso foi registrado, informou que ainda irá investigar a vida da suspeita para que possa, então, pedir o sequestro dos bens. De acordo com ele, seria a maneira de ressarcir os pais dos pacientes.

- Estamos verificando ainda algumas coisas. Sequer sabemos quais são os bens dela. Esse é o jeito de pagar aos pais.

Autismo

Segundo a AMA (Associação de Amigos do Autista), o autismo é uma inadequação no desenvolvimento, que se manifesta de maneira grave durante toda a vida, mas que aparece, tipicamente, nos primeiros anos de vida. A síndrome atinge, em média, de duas a cinco crianças em cada 10 mil nascidos, e é de duas a quatro vezes mais comum em meninos do que em meninas. É encontrado em todo mundo e em famílias de toda configuração racial, ética e social.

Normalmente, o autista se comporta como se as outras pessoas não existissem, rejeitam o contato físico e olham através das pessoas como se elas não estivessem presentes.

O diagnóstico é clínico e deve ser dado por um profissional treinado, capaz de, através da observação e entrevista com pais e pacientes, identificar sinais e sintomas peculiares.

Fonte: R7 - Rio de Janeiro
Grata
Daniela Bolzan

quinta-feira, 28 de abril de 2011

"Comédia MTV" causa revolta ao satirizar autismo. (Daniela Bolzan)

ROBERTO KAZ
DE SÃO PAULO



No dia 22 de março o programa "Comédia MTV", apresentado por Marcelo Adnet, veiculou um quadro, de três minutos, intitulado "Casa dos Autistas" (em referência ao extinto reality show "Casa dos Artistas", do SBT).

O quadro mostrava cinco comediantes gritando, esmurrando um piano e olhando para as paredes, como se fossem autistas. Considerado inapropriado pela própria emissora, a cena foi retirada do ar na reprise do programa.

A história teria passado despercebida se o vídeo não houvesse parado no YouTube. Nesta semana --um mês após a veiculação do quadro--, parentes de pessoas com autismo começaram a se mobilizar.

Uma petição on-line angariou 6.500 assinaturas pedindo que a MTV formalizasse "um pedido de desculpas pelo atos de desrespeito, imoralidade e preconceito
O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) encaminhou um pedido de investigação ao Ministério Público Federal, sob justificativa de que o autismo atinge 2 milhões de pessoas no Brasil, e que, ainda assim, o programa reforçava "a ideia segregadora de que aqueles que não se enquadram no rótulo de 'normais' devem ser motivo de piadas".

Diante dos fatos, a última edição do "Comédia MTV", veiculada na quarta-feira, foi antecedida por um pedido de desculpas da emissora.

Ontem, após o fechamento desta edição, executivos da MTV teriam duas reuniões para tratar do assunto: em São Paulo, com Ana Ruiz, do Movimento Pró-Autista, e em Brasília, com o deputado Paulo Pimenta. "Vamos ver de que forma podemos colaborar", disse Zico Góes, diretor de programação da MTV.

O deputado Paulo Pimenta disse ver o episódio com bons olhos: "O vídeo era desastroso, mas o pedido de desculpas pode ser positivo. Vamos valorizar a parceria que se abre."

Ana Ruiz, do Movimento Pró-Autista, concorda: "Um processo seria demorado e negativo. Mas podemos aproveitar essa mídia de forma inteligente."

A MTV afirmou que não haverá mudanças na equipe do programa.

fonte : portal uol/Ligeirinho do rádio  e reprodução de imagem ; youtube.

Grata Daniela Bolzan

Comediante Marcelo Adnet está em maus leçóis. ( Daniela Bolzan)


O comediante Marcelo Adnet está em maus lençóis. Ele causou polêmica ao fazer uma brincadeira infeliz com portadores de autismo no Comédia MTV: a “Casa dos Autistas”, paródia da Casa dos Artistas do SBT.
Segundo o jornal Agora, Adnet estava tão abalado que nem apareceu para trabalhar nesta quinta-feira (28).

Nesta quarta-feira (27), Zico Góes, diretor de programação da MTV, reuniu-se com representantes de entidades em defesa dos autistas.

Ficou acertado que a emissora irá investir em ações sociais e vinhetas promocionais sobre o tema. A MTV vai usar também seu portal para debater sobre o autismo com os jovens.

O comediante publicou uma retratação em seu blog, mas fez questão de dizer que não assina a direção, supervisão e roteiros e que o programa não é dele.

- O quadro apresentado tinha a minha participação, assim como de mais cinco atores. Somos contratados da emissora. Acredito na responsabilidade coletiva, incluindo principalmente os roteiristas, diretores e a própria emissora. Ainda assim, não seria justo eu lavar as mãos e me eximir de qualquer responsabilidade.

Ele também se ofereceu para ajudar campanhas e atos que “divulguem diretrizes dos grupos afetados”.

- Sou humano e como tal, não poderia ter outra atitude a não ser me posicionar de forma solidária ao lado daqueles que foram atingidos por essa cena. Minhas sinceras desculpas, de coração.

fonte : r7 e ligeirinho do rádio

Grata Daniela Bolzan

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Autistas Famosos e Surpreendentes - (Daniela Bolzan)

                            Gabriel Estudando -  Inteligente né?? Lindoo!! 

Muitos pensam que o diagnóstico de autismo condena uma criança a uma vida solitária sem qualquer realizações. A história provou que esta teoria é falsa, e muitas pessoas com as formas de funcionamento superior do autismo passaram a fazer grandes coisas. Há algumas pessoas autistas famosas que podem ser uma inspiração para as crianças com autismo ou para seus pais.

Embora não tenha sido comprovado, alguns especulam que Albert Einstein pode ter tido uma forma de autismo de alto funcionamento. Porque ele não é mais vivo, não há nenhuma maneira que se possa ter certeza do diagnóstico. No entanto, essa teoria é popular e é atribuída a alguns comportamentos que ele demonstrou, e em suas próprias palavras, muito solitário e não se sentia particularmente ligado a ninguém, nem mesmo a seus familiares próximos. Ele era brilhante em matemática, mas algumas fontes dizem que ele só começou a falar na idade de dois ou três anos. Ele costumava ficar tão envolvido com seu trabalho que era capaz de esquecer de fazer as refeições, e se uma palestra que ele estava dando não chamasse nenhum ouvinte, ele daria a aula de qualquer maneira. Novamente, esta é apenas uma teoria, mas parece que esta hipótese pode ser válida.

Albert Einstein - Físico Teórico

A atriz Daryl Hannah diz-se ter sido diagnosticada como  no “limite do autismo” com menos de 3 anos, mas teve uma carreira bem sucedida como atriz. Ela é provavelmente mais conhecida por seu papel nos filmes Splash e na série Kill Bill.

Daryl Hannah ( Atriz Norte- Americana)

Andy Kaufman (falecido em 1984) era conhecido por ter um sentimento muito estranho e bizarro de humor. Ele é outro ator que acredita-se com o autismo.

Andy Kaufman (Humorista e Ator Americano)

Dois artistas muito conhecidos, Vincent van Gogh  e Andy Warhol podem ter tido autismo. Eles apresentaram muitos traços de pessoa com alto grau de funcionamento nesta condição, e eram vistos como “excêntricos” e brilhantes.

Vicent Van Gogh


Andy Warhol

Embora Courtney Love não seja, provavelmente, o melhor exemplo do que alguém com autismo pode fazer, percebe-se que ela foi diagnosticada na idade de três anos como “levemente autista “. Ela teve seus altos e baixos, mas sua banda Hole fez algum sucesso.

Courtney  Love (Cantora e Atriz)

Talvez algumas das pessoas mais conhecidas com essa condição nasceram antes que um diagnóstico real pudesse ser feito. Isso significa que essas pessoas autistas famosas têm um “diagnóstico” que se baseia em especulações e por coisas que eles eram conhecidos quando estavam vivos. Muitas dessas pessoas são importantes, tanto por razões históricas e por melhorar o mundo à sua maneira. Exemplos são Sir Isaac Newton (matemático), Wolfgang Mozart (compositor e músico), Charles Darwin (naturalista / cientista) e Michelangelo (pintor / escultor / arquiteto / poeta).

Sir Isaac Newton (matemático)


Wolfgang Mozart (compositor e músico)


Charles Darwin (naturalista / cientista)


 Michelangelo (pintor / escultor / arquiteto / poeta).

Bill Gates (citado no livro “Thinking in pictures” de Temple Grandin como tendo características autistas) é diretor da Microsoft e inventor do Windows. Nasceu em 1955 em Seattle (EUA). Gates se balança continuamente durante reuniões de negócios e em aviões (autistas fazem isso quando nervosos), não gosta de manter contato olho-a-olho e tem pouca habilidade social. Não dá importância à sua aparência.

Bill Gates ( Presidente da Microsoft)

Temple Grandin  nasceu autista, coisa que na época ninguém conhecia muito bem. Seu jeito peculiar de pensar e seu comportamento antissocial e agressivo eram mal vistos por professores e colegas de escola na infância. Frequentemente brigava com outras crianças. Ela tinha dificuldade de aprender certas coisas, porque as coisas para ela seguiam uma lógica particular. A única coisa que podia deixar Temple mais calma era um abraço forte, mas ela não conseguia dizer isso nem a sua mãe.Temple é Ph.D em ciências animais na Universidade Estadual do Colorado

Temple Grandin( Ph.D em Ciências Animais)

Agora façamos uma pequena análise desta maravilhosa postagem. Muitas pessoas intitulam autistas como pessoas que não têm inteligência e nem capacidade de ter uma vida Normal, ou Parcialmente Normal. Se enganam, pois há muitos e muitos Autistas de diversos graus que não publicam suas vidas que levam uma vida praticamente sociável e com uma carreira de sucesso surpreendente. Quem sabe, Nossos filhos, familiares ou amigos que apresentam  espectro-autista ou são autistas diagnosticados não estarão entre essas pessoas Brilhantes? Mas digo uma coisa particularmente como Mãe de um Autista, que para mim ele é muito mais brilhante que todas as carreiras e profissões que puder escolher. Ele é minha estrela. 
Grata Daniela Bolzan

ATOR MARCELO ADNET E TELEVISÃO MTV DISCRIIMINAM '' AUTISTAS'' EM PROGRA...

MTV se desculpa com "chulas palavras" e usa ainda o termo "OFENSIVO DE INDIVÍDUO" (Daniela Bolzan)

25 de abril de 2011
A MTV Brasil acredita na liberdade de expressão


Sabe que autismo é uma coisa séria.

Também sabe que humor é uma coisa séria, ainda que faça rir.

Pedimos desculpas para qualquer grupo ou indivíduo que tenha ficado ofendido com a sketch “Casa dos Autistas”, veiculada no dia 22/03/2011 no programa Comédia MTV.

A MTV Brasil sempre apoiou e continuará apoiando causas ligadas à inserção social de pessoas com deficiência.

MTV Brasil.
Santiago
______________________________________________________


RESPOSTA : SE SABE QUE '' AUTISMO'' É ''COISA'' SÉRIA ! PORQUE ''AUTORIZOU'' AQUELE LIXO ''CASA DOS AUTISTAS'' ?

AUTISMO NÃO É '' COISA ''. ''COISA'' TALVEZ SIGNIFIQUE ...SANTIAGO ?

A MTV ''ACREDITA NA LIBERDADE DE EXPRESSÃO'' ?

ENTÃO VAMOS LÁ SR.SANTIAGO...O SR É O QUE MESMO NA MTV ? DIRETOR,PRESIDENTE,OFFICE BOY...

NÃO TEM CORAGEM NEM DE ESCREVER ALGUM CONTEÚDO ...OU NÃO SABE ESCREVER ?

VAMOS COMEÇAR A CRIAR UM PROGRAMA EM HORÁRIO NOBRE AS CAUSAS DOS DEFICIENTES ?

EITA NÓIS..O TAL SANTIAGO TÁ COM VERGONHA DE SE IDENTIFICAR...NÉ ''INDIVIDÚO'' ?

Fonte:www.ligeirinhodoradio.com
___________________________________________________

Daniela Bolzan: "Dá pra acreditar? poxa vida que desculpas mais esfarrapadas, já não chega ter feito um papelão ridicularizando nossos anjos autistas, e agora vem com essa conversinha de que a MTV apóiam causas de inserção à pessoas com deficiência? Ah conta outra, se  realmente fosse mesmo um apoio aos deficientes, seja ele de qualquer tipo, mental, físico, ou comportamental a emissora iria ficar preocupada em fazer um programa para mostrar a verdadeira realidade da vida de todos os familiares que se dedicam incansávelmente para seus filhos, e não ridicularizar e mostrar coisas que sinceramente foge totalmente do que é uma pessoa com autismo, pois os autistas são muito mais inteligentes do que esse bando de atores que na minha opinião foram de baixa inteligência, (para não chamar de outra coisa) em aceitar fazer um papelão desses.. Agora que paguem, pois nós, pais e familiares de autistas temos muitas pessoas fortes nos apoiando e vocês vão aprender por bem, ou por mal( justiça) o que realmente significa RESPEITO ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, QUALQUER TIPO QUE SEJA, MERECE RESPEITO, INCLUSÃO, DEDICAÇÃO, CARINHO E RESPONSABILIDADE. CARACTERÍSTICAS QUE ESSES ATORES E DIRETORES, NÃO APRESENTARAM NEM EM FRENTE ÀS CÂMERAS, QUEM DIRÁ POR TRAZ DAS MESMAS. SÃO PESSOAS SEM ESCRÚPULOS. CRESÇAM NA INTELIGÊNCIA PARA DEPOIS APARECEREM FAZENDO ALGO QUE SEJA AGRADÁVEL DE SE VER..."
 PORTAL JORNALISMO LIGEIRINHO DO RÁDIO

terça-feira, 26 de abril de 2011

Puty protesta contra programa de TV que ridiculariza crianças com autismo

Pronunciamento da Deputada Rosinha da Adefal sobre o vídeo que vem circulando pelo youtube, da MTV, intitulado como “Casa dos Autistas“. ( Daniela Bolzan)


Como Presidenta da Frente Parlamentar do Congresso Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, aderi ao abaixo assinado contra o programa “Casa dos Autistas” e me coloco à disposição do Movimento de Inclusão Social das Pessoas com Deficiência para facilitar o encaminhamento de qualquer requerimento, representação ou outros encaminhamentos necessários à devida reprimenda desta conduta discriminatória.
Entendo que além da comunicação aos órgãos públicos competentes para as medidas cabíveis,é igualmente importante que seja comunicado o Ministério Público, que além de investigar o caso podeajuizar ação civil pública com pedido de indenização por danos morais causados à coletividade. Na atualidade, é incabível a veiculação de programas que, com a suposta intenção de divertir, depreciam e ridicularizam a imagem das pessoas com autismo, ou com qualquer outra deficiência.
Comunico, por fim, que o fato foi incluído como ponto de pauta da próxima reunião da Frente Parlamentar, a ser realizada ainda esta semana, e que os deputados e senadores integrantes foram comunicados do ocorrido por email, para que possam se pronunciar, elaborar notas de repúdio e aderir às mais diversas formas de demonstração de reprovação ao fato.
Um bom dia para todos.
Cordialmente.
Rosinha da Adefal
Deputada Federal por Alagoas

Abaixo assinado contra o programa da MTV "Casa dos Autistas"http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2011N9211
Fonte: http://www.deficienteciente.com.br/2011/04/pronunciamento-da-deputada-rosinha-da-adefal-a-respeito-do-programa-da-mtv.html

Grata Daniela Bolzan

Abaixo assinado contra o Programa exibido pela MTV que ridiculariza autistas chamado "CASA DOS AUTISTAS" ( Daniela Bolzan)

Caro Seguidor do Blog. O assunto é muito sério e importante.


Acabei de ler e assinar este abaixo-assinado online: «Abaixo assinado contra o programa da MTV Casa dos Autistas». 

Vamos colaborar pessoal, não custa nada e vale uma Vida sem preconceito para nossos pequenos ou Grande anjos Autistas.
Com certeza vamos vencer essa Batalha... As principais fontes estão do nosso lado, por isso, Ajude nessa etapa que será com certeza vencida. É SIMPLES, SEGURO E RÁPIDO.
http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=P2011N9211
Pessoalmente, concordo com este abaixo-assinado e acho que você também pode concordar.

Assine o abaixo-assinado e divulgue para seus conhecidos...

Obrigada,
Daniela Bolzan 

O deputado Paulo Pimenta aciona M.P.F contra o programa da MTV Brasil que ridiculariza os Autistas. ( Daniela Bolzan)

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) ingressou, nesta segunda-feira (25), com uma representação no Ministério Público Federal para que sejam tomadas providências com relação a um quadro do Programa Comédia MTV, chamado “Casa dos Autistas”. Na sketch, que busca ser uma sátira do Casa dos Artistas do SBT, o dia-a-dia as pessoas com disfunção global do desenvolvimento é retratado, a partir de uma visão particular dos humoristas do canal musical.
No documento, o deputado classifica o “Casa dos Autistas” como um programa discriminatório que explora de maneira preconceituosa a imagem das pessoas com transtornos globais do desenvolvimento. “Essa paródia de péssimo gosto e conteúdo nada tem de humor, pelo contrário, dissemina uma cultura condenável, que é a da tentativa de inferiorização das pessoas pela diferença. Reforça a idéia segregadora de um modelo único de sociedade, em que aqueles que não se enquadram no rótulo de normais devem ser motivo de piadas e discriminação”, afirma o parlamentar.
A representação do deputado Pimenta está baseada na Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, da qual o Brasil é signatário. O texto da Declaração diz que “os Estados Partes proibirão qualquer discriminação baseada na deficiência e garantirão as pessoas com deficiência igual e efetiva proteção legal contra a discriminação por qualquer motivo”.


Para acessar a representação de Paulo Pimenta em processo Judicial acesse: http://www.paulopimenta.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3872:mpf&catid=18:releases&Itemid=219.

Estamos Juntos nessa... Lutem...  Abraços.
Daniela Bolzan

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Nosso grito vai mais além! A comédia sem graça na TV - Jairo Marques- ( Daniela Bolzan)

No Blog da Folha, o Jornalista Jairo Marques escreve de maneira clara e simples como se deve usar o Humor, Muitas indignações pelo nosso Brasil. Confira:


25/04/2011

A comédia sem graça da MTV


Assisti ontem pela primeira vez um vídeo que tá rodando nas internets chamado “A casa dos Autistas” produzido e encenado por humoristas da MTV, que tão mais por cima do que queijo em bife à parmegiana.

Sempre encaro as peças cômicas com o coraçãozinho aberto, afinal, graça é feita para rir e não para ficar pensando, matutando suas razões, fundamentos, ‘sacadas’ geniais.

Já escrevi aqui neste espaço um punhado de vezes que defendo o direito pleno à liberdade de expressão e que é a Justiça quem deve determinar o que ultrapassa o limite do bom senso e deve ser punido com indenização, com reparação moral, e tudomais.com.br

Sinceramente, apesar de muitos me verem como “representante” importante da classe dos ‘malacabados’, não falo jamais em reserva de mercado para nos defender de ser alvo de piada, de quadros humorísticos... Acho que, se tem fundamento, tem graça, tem elegância, tá valendo, sim...

Contudo, eu que me acho bem humorado, fiquei pasmo, embasbacado com o vídeo do “Comédia MTV”. Quem não viu, talvez seja importante bater o olho clicando no bozo....
Não convivo com nenhuma pessoa autista, conheço pouco do mundo em que vivem e seus perrengues, mas senti um asco violento ao assistir o quadro. Não por um puritanismo de querer criar um manto de proteção aos autistas, mas, sim, por achar que o quadro tem o sentido único de tirar graça do lugar comum, do estereótipo, do estigma que paira sobre as pessoas que batalham contra o transtorno.

As associações que visam incluir os autistas em sociedade e tentar quebrar tabus que as envolvem estão quebrando uma pedra danada para que deixemos de ver seus pares como lunáticos, gente esquisita, gente que deve viver apartada do convívio de todos.

Não vai demorar, pois me atrevo a dizer que conheço um bocadinho de mídia, alguém defender que o vídeo tem um “fundo” didático e quer desmitificar o autismo. Bem, louvável seria isso se houvesse uma explicação mínima durante o quadro, um debate, uma mensagem, o que não acontece.

A passagem mostra apenas os atores tentando provocar graça por meio de gestos repetitivos, gestos que, a meu ver, são de cunho particular do autista, de suas famílias e de pessoas que as compreendam minimamente.

Tendo a achar que os jovens e adolescentes que viram o quadro do “Comédia MTV” _exibido há cerca de um  mês, mas que ganhou repercussão agora_ só reforçaram em si aquilo que imaginam que as pessoas com deficiência não são capazes de fazer ou que fazem de forma desajeitada, esquisita, mocoronga.

A minha convicção é que isso não agrega em nada. Agrega é mostrar o que os “diferentes” podem fazer igual ou melhor que os outros, mostrar que limitações existem, mas podem ser enfrentadas, redesenhadas e integradas nos meios sociais.

Um programa de imensa audiência nos EUA, o American Idol, tem entre seus finalistas neste ano um caboclo que possui autismo leve, juntamente com outra síndrome que afeta seu comportamento.

James Durbin é beeeeem doidinho durante suas apresentações. É agitado, irrequieto, fala mais do que a boca e até já fez propaganda da Pepsi, durante um programa ao vivo, patrocinado pela Coca-Cola. Mas, o que o show quer de fato saber é se ele tem ou não talento. E o cara, até agora, arrasou, quebrou tudo, cantando Rock and Roll. Saca um vídeo dele aqui.

Uma pena que a MTV, uma emissora que ajuda na formação de jovens, além de entretê-los, não consiga dar uma bola dentro em relação à inclusão. Gente talentosa, tenho certeza que há aos montes por lá.

Insisto que não se trata aqui de tornar uma “classe” de gente imune à comédia, à graça, à piada. Por essa lógica, eu mesmo estaria comprometido de seguir na batalha pelo domínio do mundo.

Mas fazer humor, pelo menos pensando nos grandes mestres como Chico Anysio, Jô Soares, Renato Aragão, Tom Cavalcante e outros, envolve inteligência, criatividade e respeito ao ser humano, fonte inesgotável de graça.

Escrito por Jairo Marques às 00h04

Postado por Daniela Bolzan
Fonte:www.assimcomovoce.folha.blog.uol.com.br/

Nosso Grito contra a MTv chegou em Brasília, Nos Jornais (Daniela Bolzan)

Foi Publicado hoje a indignação dos Deputados contra o programa da Mtv que ridicularizou a imagem de autistas. Muito Obrigada a todos que colaboraram para que nosso abaixo assinado fosse tão adiante.  Obrigada a vocês Senhores Deputados que estão do nosso lado. Justo no mês que comemoramos o dia mundial da conscientização do autismo acontece uma bola fora dessas...
 O BRASIL INTEIRO ESTÁ CONOSCO, NOSSO GRITO PARA DEFENDER NOSSOS AUTISTAS É MUITO MAIOR DO QUE ESSAS MENTES INÚTEIS... Veja a nota:

PETISTAS PROTESTAM CONTRA PROGRAMA QUE RIDICULARIZA AUTISTAS.


Parlamentares da bancada do PT na Câmara ocuparam a Tribuna nesta segunda-feira (25-04) para protestar e manifestar indignação com programa de TV que, de acordo com eles, "ridiculariza" as crianças com autismo. Segundo os deputados, vários pais de crianças autistas denunciaram o programa, chamado Casa dos Autistas, exibido pela MTV.


"Esse programa ridiculariza as crianças com autismo. Há, inclusive, um abaixo-assinado na Internet contra esse programa que demonstra insensibilidade, falta de inteligência e preconceito, ainda presente, inclusive em canais de televisão, que são concessões públicas", disse o deputado Cláudio Puty (PT-PA). "Esse tipo de incentivo ao preconceito, de ridicularização daqueles que não tiveram a opção de escolher nascer ou não com autismo, é algo que causa repugnância", ressaltou Puty.
A deputada Erika Kokay (PT-DF) defendeu que a Comissão de Direitos Humanos expresse reprovação formal acerca dessa manifestação "absolutamente inadmissível, de preconceito".
De acordo com Cláudio Puty, uma em cada 110 crianças nascidas apresenta características do autismo, que é uma alteração cerebral/comportamental que afeta a capacidade da pessoa se comunicar, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente que a rodeia. O autismo é mais conhecido como um problema que se manifesta por um alheamento da criança ou adulto acerca do seu mundo exterior encontrando-se centrado em si mesmo.
"Nós que temos parentes, entes queridos, com essas características que os tornam diversos, sabemos que ainda temos muito a avançar no sentido de garantir que os serviços públicos, as escolas apresentem um ambiente no qual as crianças com autismo possam sentir-se inseridas. É um desafio enorme", disse Cláudio Puty.
Gizele Benitz

Postado por Daniela Bolzan
Fonte: http://www.informes.org.br/
Continuem comentando pelo you tube, orkut e facebook, Com certeza vamos conseguir chegar mais longe... Conto com você. Defendemos nossos anjos com Unhas e Dentes...
RESPEITO E DIGNIDADE À NOSSOS ANJOS AUTISTAS.!
Qualquer coisa estou à disposição!

Quanto Horror!O que o apresentador Marcelo Adnet e sua equipe fizeram com a Imagem de Nossos Autistas é lamentável, decepcionante e Simplesmente um lixo.( Daniela Bolzan)


Olá queridos seguidores do nosso Blog...
Venho até essas linhas para expressar minha tamanha revolta com um programa de comédia que todos devem conhecer, da emissora MTV com o apresentador Marcelo Adnet, pois no dia 10 de Abril deste ano, foi colocado no site You Tube um vídeo muito decepcionante que eu não vou nem anexar aqui no Blog para não sujar a imagem desse Blog que tem sido tão respeitado e com um número de acessos excelentes e que cresce a cada dia...
 Foi criado um programa chamado CASA DOS AUTISTAS... Mas nesse vídeo foram colocadas imagens que ridicularizam nossos autistas e ainda colocam certas atitudes  como se estivessem zombando da dificuldade que o Autista realmente tem de conviver com o meio. Quem quiser acessar, basta digitar casa dos autistas no you tube e pronto, você verá umas das piores imagens que puderam fazer da pessoa portadora de autismo.
Sinceramente é abominável esse tipo de vídeo.. Achei uma falta de vergonha esse apresentador e atores deixarem se levar por um texto desses, e o pior, concordarem em gravar e levar adiante algo que eles nem sabem o que realmente é, pois colocam atitudes  demonstrando como se os autistas fossem bobões, apenas mais um corpo no mundo sem conteúdo... Poxa vida, em que mundo estamos??  ACORDA PESSOAL... Nossos autistas tem uma mente com muito mais inteligência do que esses produtores que fizeram isso... Devem aprender primeiro o significado das palavras RESPEITO E CIDADANIA antes de divulgar uma coisa com tantas inverdades... Eu fiquei horrorizada, decepcionada, e muito, mas muito triste com a maneira que certas pessoas que poderiam usar a cabeça com inteligência e sabedoria para mostrar coisas úteis à sociedade, usam a sua inteligência para fazer Defamações e porcarias, colocando nossos anjos autistas no meio...
E o pior, vocês ainda não sabem. Foi divulgado em um site (http://entretenimento.r7.com/famosos-e-tv/noticias/marcelo-adnet-se-desculpa-por-fazer-piada-com-autistas-na-tv-20110424.html) que o Apresentador Pede desculpas por fazer piadas com os autistas, e mais pior ainda, Acreditem, ele falou isso simplesmente pelo twitter. Ah!! Sacanagem não é?? Como pode, na hora de ir na televisão ridicularizar os autistas ele foi , e na hora de se desculpar ele não vai a público pedir desculpas?... E Ele diz também nesse artigo que ele nunca concordou com o quadro, mas que venceu pela maioria. Maioria? Que tristeza meu Deus... Então tudo o que pedirem a ele, com certeza ele faz viu? basta vencer pela maioria...
Fiquei horrorizada e vi também pelos comentários que tiveram lá no you tube que muitas pessoas também ficaram tão horrorizadas quanto eu...


Deve-se mostrar para essas pessoas que colaboraram para que este quadro do programa fosse ao ar que  isso foi uma injustiça contra elas mesmas, pois pode ser que um dia eles sejam agraciados com um filho autista e com certeza eles cairão em si e perceberão a besteira que fizeram e mais ainda entenderão a revolta de tantos pais e familiares...
É triste saber como pessoas que poderiam mostrar matérias que dessem resultado, de RESPEITO, MOTIVAÇÃO, mostrar para as pessoas como é importante amar incondicionalmente sem ridicularizar qualquer pessoa com todos os tipos de deficiências e comprometimentos, que chamo sempre de pessoas especiais, fazerem uma coisa tão, lamentável, triste e siceramente, lixo aos nossos olhos.
Tem um abaixo assinado  que está sendo mandado pelo orkut, se você receber, coloque seu nome nele, vamos mostrar para essas pessoas que não tem nenhum respeito com nossos anjos especiais que nossas forças são maiores, pois só assim eles vão parar de brincar com coisa séria...
RESPEITAR AS PESSOAS , SEJAM ELAS ADULTOS, IDOSOS OU CRIANÇAS PORTADORAS DE QUALQUER TIPO DE DEFICIÊNCIA OU TRANSTORNOS FAZ PARTE DA ÍNDOLE DE CADA UM, PORTANTO COLOQUE A SUA ÍNDOLE PARA FAZER PARTE DAS PESSOAS CONSCIENTES E NÃO ÀS PESSOAS QUE RIDICULARIZAM  E DESRESPEITAM AO INVÉS DE AJUDAR...
Grata com grande decepção e revolta. Mas infelizmente essa realidade está acontecendo em nosso meio.
Daniela Bolzan

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Relato de amor - O amor que sinto em meu coração ( Daniela Bolzan)


Quando amamos alguém, sentimos uma sensação de felicidade, de euforia, de satisfação quando estamos perto de quem amamos. O amor entre uma mãe e um filho é assim lindo, perfeito e completo. é um amor que satisfaz, que vibra, que faz e  fez acontecer na minha vida algo diferente, pois com meu filho, que é pra lá de especial eu aprendi realmente o que é amar.
Em determinadas situações na nossa vida, em fases que passamos e que eu passei, pensei por muitos momentos que já conhecia o que era o amor. Mas não, o amor que eu conheci depois que me tornei mãe foi um amor capaz de me fazer reviver, de ter forças e coragem para seguir em frente nos momentos de dificuldades que todos nós passamos, e que isso é inevitável na vida de cada um. Aprendi a conhecer qual é o valor das pequenas coisas, o significado de um olhar de amor, pois vejo isso quando meu iluminado Gabriel olha para mim e sorri. É o momento em que eu sei que sou amada, e isso já me basta.
O amor na vida de uma mãe e o amor de um filho por sua mãe é algo sublime, que ultrapassa barreiras e que por mais imperfeito que seja no decorrer do crescimento desse filho ele se torna mais perfeito do que a própria perfeição.
E vendo e sentindo esse amor pelo meu filho, pois além de amor, eu sinto um orgulho enorme por ele ser como é, autista, mas meu amor.
O que me revolta muito e que não poderia deixar de frizar nesse relato são essas mães que abandonam seus filhos! Hoje mesmo no Jornal Nacional passou uma reportagem de uma criança de 7 a 10 dias de vida jogada em uma caçamba com lixo. Então pergunto? Como pode acontecer isso? O que pensa uma mãe que foi capaz de gerar um filho em seu ventre, sentir um filho crescer dentro dela e acompanhar todo o seu crescimento, como teve a coragem de fazer isso? Eu sinceramente, não me conformo.
O triste disso tudo é que isso está acontecendo com uma frequência incalculável. E isso acaba deixando as pessoas que têm amor no coração e que tem filhos indignadas.
Outro fato que me chama muito atenção é a falta de vergonha na cara que existe pessoas por aí que cometem violências contra as crianças, o pior é que na maioria dos casos acontece sempre com os próprios pais. Em que direito esses pais querem ser chamados de PAI ou MÃE se tem a capacidade de bater, queimar ou espancar crianças que muitas vezes não conseguem falar, andar e entender o que está acontecendo. Isso me revolta imensamente. E o pior é que esses casos também tiveram um aumento absurdo de ocorrências. Como pode acontecer isso? O que pensam essas pessoas? Para que agir assim?
Crianças, jovens, adultos e idosos foram criados por Deus para serem respeitados, para serem amados, sendo a criança especial ou uma criança com desenvolvimento normal.
Por isso, peço. Você que teve algum tipo de violência, denuncie, não tenha medo, você apenas está protegendo o seu filho de sofrimentos futuros, e nada melhor do que um verdadeiro amor para curar essas feridas de dor que ficam no coração...
NÃO À VIOLÊNCIA CONTRA CRIANÇAS E IDOSOS. Eles precisam de nós e nós aprendemos com eles. a vida é assim, o amor cura a dor, e aqui não vai ser diferente...
O amor, a paciência e a dedicação são palavras primordiais que jamais devem sair do coração de uma mãe e de um pai...
Vamos amar, e respeitar nossos filhos e conhecidos. EU AMO O MEU FILHO INCONDICIONALMENTE, SEM COMPARAÇÕES E NEM PRECONCEITOS, MAS SIM COM TODA A FORÇA QUE EXISTE EM UM CORAÇÃO APAIXONADO. EU SOU APAIXONADA PELO MEU PEQUENINO E JUNTOS SOMOS IMBAT[IVEIS, POIS O AMOR TUDO VENCE, O AMOR TUDO CONSTRÓI E O AMOR TUDO CURA...
Obrigada Senhor por me fazer mãe de um filho tão especial..AMO-TE MEU GABRIEL...
Obrigada
Daniela Bolzan

A Fonoaudiologia é vital para o Autismo - Dra Cláudia Pietrobon - ( Daniela Bolzan)

A Fonoaudiologia é a ciência que tem como objeto de estudo a comunicação humana, no que se refere ao seu desenvolvimento, aperfeiçoamento, distúrbios e diferenças, em relação aos aspectos envolvidos na função auditiva periférica e central, na função vestibular, na função cognitiva, na linguagem oral e escrita, na fala, na fluência, na voz, nas funções orofaciais e na deglutição.

A intervenção precoce e continuada do fonoaudiólogo nos Distúrbios do Desenvolvimento, é fundamental para que o quadro clínico apresentado pelos indivíduos portadores do Transtorno Autista evolua satisfatoriamente, no que tange à sua comunicação geral, e em especial, para o desenvolvimento de sua linguagem receptiva e expressiva, oral, gestual e escrita, capacitando–o para compreender, realizar demandas e agir sobre o ambiente que cerca.
Entretanto, o profissional deve ser um profundo conhecedor do desenvolvimento normal infanto-juvenil e do desenvolvimento atípico do portador de autismo. Também deve ser capaz de diagnosticar, avaliar (porque é possível avaliar os autistas, sim, mesmo os não-verbais!), e planejar uma terapia individualizada e específica. Deve ser um profissional atualizado e consonante com a comunidade científica internacional, e nunca se deixar levar por achismos e idéias que não têm mais o respaldo científico (como as dos anos 60: mães geladeira, e dos anos 70: autismo = psicose!!!).

A terapia fonoaudiológica poderá ter como embasamento, o programa TEACCH (Treatment and Education of Autistic and Communication handicapped Children), desenvolvido pelo departamento TEACCH da Universidade da Carolina do Norte, USA. Também poderá utilizar o recurso PECS (Picture Exchange Communication System), o ABA (Applied Behavior Analysis), e as técnicas de intervenção de Lovaas, sempre com vista ao treinamento e desenvolvimento da linguagem e da comunicação.

Embora nenhum tratamento seja efetivo em normalizar a fala, os melhores resultados são conseguidos com o início da terapia na idade pré-escolar e que envolve a família junto com os profissionais. O mérito é conseguir que a criança utilize a comunicação funcional, ou seja, que a criança se faça entendida. Para uns a comunicação verbal é possível e alcançável. Para outros, a comunicação por gestos ou por utilização de símbolos ou figuras já é de grande valia. Avaliações periódicas devem ser feitas para encontrar as melhores abordagens e reestabelecer as metas de cada criança.

*Estratégias para pais e cuidadores de crianças com Atraso no desenvolvimento da  linguagem.
· Aguardar, observar e ouvir tudo o que a criança tem para manifestar: gestos, vocalizações e olhares;

· Não atuar de forma diretiva e controladora, dando oportunidade para a criança manifestar seus desejos, interesses e necessidades;

· Fornecer oportunidades que favoreçam a comunicação e saber aguardar uma resposta;

· Usar linguagem compatível com as possibilidades de compreensão pela criança;

· Interpretar atos não intencionais como se fossem atos comunicativos intencionais;

· Não dar automaticamente as coisas para a criança: aguardar que ela tome iniciativa para solicitar os objetos;

· Conhecer as capacidades comunicativas típicas de cada criança e saber que é esse recurso que se pode contar no momento da interação com elas;

· Solicitar pouco de suas capacidades ou exigir acima do que ela pode responder significa possível quebra  de interação por falta de sintonia entre os interlocutores;

· Garantir a proximidade física e o contato face a face: esta facilita o intercambio comunicativo;

· Imitar sistematicamente o que a criança faz é uma forma eficiente de chegar ao seu nível: é como sintonizar na mesma estação em que ela opera;

· Dar nome as coisas, de modo natural. Nomear sistematicamente objetos e ações aumenta a possibilidade de compreensão, assim como conduz ao uso de palavras novas;

· As situações do dia a dia devem ser adaptadas de modo que levem a criança a usar a linguagem como um meio privilegiado de ação;

· Criar pequenos problemas cujas soluções impliquem atos comunicativos, EX: dar a mamadeira vazia na hora de tomar o leite, apresentar uma caixa sem o conteúdo que habitualmente à criança encontra dentro dela e assim por diante. Aguardar as atitudes da criança para resolver situações como esta.


*O QUE DEVE SER EVITADO:

· Tomar sistematicamente a iniciativa da comunicação;

· Ficar testando a capacidade das crianças com ordens e perguntas;

· Ficar dirigindo a ação da criança, dizendo como deve agir ou proceder;

· Interromper o silêncio que corresponde ao tempo de espera que deve dar para que a criança tome a iniciativa da comunicação;

· Ficar falando no lugar da criança;

· Falar em excesso sem dar tempo para criança responder ao tomar a iniciativa.

Artigo da Dra Cláudia Pietrobon - Fonoaudióloga especializada em Autismo.
Meus Agradecimentos:
Daniela Bolzan